Jornal do Brasil- 1/9/1990- “Anúncio leva torcedor de Pirataria a sofrer à Toa”

A crônica esportiva esteve presente no dia 1º de setembro de 1990, no saudoso e extinto Jornal do Brasil, sobre uma situação ocorrida com o radialista esportivo Garcia Junior que narrou um “GOL” inexistente na partida entre Vasco x Nacional de Medelin da Colêmbia, na Colêmbia, válida pela Libertadores daquele ano…

OBS: Não sei quem “assinou o texto” na matéria.

__________________________________________________________________________

“Na última quarta-feira, o rádio esportivo carioca passou por momentos hilariantes. Informadas que a Rede Manchete iria transmitir a partida Vasco x Nacional de Medelin, pela Copa Libertadores, as rádios Tupi e Globo firmaram acordo e decidiram não mandar ninguém para a Colômbia. Opção mais cômoda  e bem comum entre as emissoras. Os locutores ficariam nos seus respectivos e narrariam o jogo em cima dos lances mostrados pela Manchete.

Ao contrário de outras emissoras, a Rádio Capital preferiu gastar cerca de US$ 5 mil e mandar uma equipe à Colômbia, com o locutor Garcia Júnior e o repórter Carlos Campelo. O que as três concorrentes não esperavam  é que a Manchete optaria  pelo vídeo teipe da partida. A úvica saída encontrada por Tupi e Tamoio  foi adotar uma velha prática: a pirataria, que consiste em transmitir um jogo baseado nas informações de outra rádio. A Globo não adotou tal procedimento e preferiu dar informações periódicas.

Segundo o coordenador de esportes da Capital, Carlos Borges, as emissoras cometeram uma gafe ao adotar tal procedimento. “Como o Higuita demorava muito a cobrar o pênalti, o Garcia Júnior aproveitou para veicular um anúncio do automóvel Gol, da Volkswagen, em que grita “Gooooooolll!!!”. A Tupi e a Tamoio pen saram que tinham sido gol do Higuita e transmitiram o lance. O detalhe é que o Acácio defendeu o chute e as emissoras tiveram que voltar atrás.”

Luiz Penido, chefe de esportes da Tupi, e Waldir Luiz, repórter da Tamoio, negam a versão da equipe da Capital, e garantem que transmitiram o jogo ouvindo rádios colombianas. “É mentira. Não iríamos confiar na transmissão da Capital, que estaria sujeita a interferências. Optamos pela rádio Caracol”, disse Penido. Um funcionário da Tupi, no entanto, confirmou que a emissora pirateou a transmissão da Capital. Waldir Luiz fez côro a Penido. “Não nego que escutamos a Capital, mas nosso trabalho foram feitos em cima das informações da Rádio Nacional da Colômbia. ”  

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s